TRAGÉDIA - Jovem bate carro e morre minutos após saber do falecimento do pai


O jovem Erick dos Santos Paz, de 20 anos, acabou morrendo ontem ao perder o controle do carro que conduzia, poucos minutos depois de saber do falecimento do pai. O caso aconteceu em Rosário do Sul, a 389 km de Porto Alegre, e a Polícia Civil abriu inquérito para apurar o acidente.


Erick era filho do aposentado Laert Cunha Paz, de 62 anos. O idoso morreu em meio ao tratamento oncológico no Hospital de Caridade Nossa Senhora Auxiliadora.

De acordo com a investigação, o jovem recebeu a notícia do falecimento do pai e morreu enquanto se dirigia à unidade de saúde.


"Logo após o acidente os parentes compareceram à delegacia e confirmaram que o pai lutava contra um câncer e que o filho foi chamado às pressas ao hospital", declarou ao UOL o delegado Giovanni Lovato, que conduz a investigação.


Segundo a BM (Brigada Militar), o acidente ocorreu por volta das 7h30 na rua Andradas. Erick estava sozinho no veículo, da marca Peugeot, e bateu em uma árvore ao sair da pista. A colisão atingiu o lado do motorista. A vítima morreu ainda no local.


A Polícia Civil coletou imagens de câmeras das residências ao redor do local da batida para análise. "Estamos coletando imagens para saber se tinha envolvimento de outro veículo que possa ter causado o acidente, mas a princípio estava sozinho, perdendo o controle naquele ponto da via. Só que precisamos confirmar isso e abrimos o inquérito", afirmou Lovato.


Pai e filho foram velados ao mesmo tempo em Rosário do Sul e o sepultamento ocorrerá ao longo da tarde no cemitério municipal.


'Está sendo doloroso'


Para a família das vítimas, o que fica na memória é a relação de cumplicidade entre pai e filho.


"Eram pessoas muito boas, meu avô sempre muito forte e meu tio um rapaz que sempre recebia bem as pessoas. Ambos eram muito família", comentou Emily Paz, parente das vítimas.


A família diz que Laert fazia tratamento considerado paliativo para tratar um câncer. Apesar disso, Erick pode ter se desesperado ao saber da morte do pai. "Acredito que foi o desespero de chegar ao hospital mesmo. Acabou perdendo o controle do carro. Está sendo muito doloroso porque meu avô estava sofrendo muito por conta do câncer, em estado terminal e não tinha mais o que fazer.


Já com meu tio foi uma fatalidade e ninguém, claro, imaginava", lamentou.


Fonte: https://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2021/06/28/jovem-bate-carro-e-morre-apos-saber-morte-do-pai-rosario-do-sul-rs.htm?cmpid=copiaecola