Prefeitura adota mais restrições para frear o avanço da Covid em Tupã


Novas medidas de restrições contra a Covid-19 começam a valer a partir desta segunda-feira (17) em Tupã (SP). As primeiras medidas haviam sido decretadas no dia 4 de janeiro.

As novas ações previstas no decreto de sexta-feira (14) deverão ser colocadas em práticas pelo período de 60 dias. O objetivo das medidas é frear a incidências não só da Covid, como também da Influenza.

Entre as medidas comuns, válidas para todos os tipos de estabelecimentos, estão a taxa de ocupação de 70% da capacidade máxima prevista e a exigência do uso de máscaras.

Os estabelecimentos, independente do segmento de atuação, também deverão disponibilizar álcool em gel 70% em local visível e de fácil acesso.

Já as medidas específicas variam de acordo com o segmento. No caso dos restaurantes, bares, lanchonetes e similares, os estabelecimentos deverão adotar limitação de 8 pessoas por mesa, com distanciamento mínimo de 1 metro entre os clientes.


No caso das igrejas, templos religiosos e similares, os estabelecimentos que recebem diariamente mais de 100 pessoas será obrigatória a verificação da temperatura corporal na entrada.


Já os eventos, festas de casamento, formaturas, shows e similares ficam limitados a presença de 100 pessoas no máximo, sendo proibida a realização de eventos com público acima dessa quantidade.


Nos eventos com mais de 50 pessoas, os responsáveis deverão informar a data, horário e local da festividade à Vigilância Sanitária Municipal para fins de fiscalização. Nestes eventos, o público deverá permanecer sentado, sendo proibida a utilização de pista de dança.

Os organizadores deverão ainda exigir do público o comprovante da vacinação completa (duas doses ou dose única) contra a Covid-19. Além disso, fica proibida a permanência nestes locais durante a meia-noite às 5h, mesmo período de restrição da presença de pessoas em praças públicas..


Em relação aos jogos e eventos esportivos e culturais, o decreto suspende a realização de campeonatos e torneios oficiais do município. Também fica proibida a utilização de ginásios esportivos, teatro, anfiteatros e demais espaços fechados.


Para as aulas, a prefeitura informou que a Secretaria de Educação realizará uma pesquisa com os pais e responsáveis pelos alunos para definir como será o início do ano letivo.


Fonte: G1 Bauru e Marília