Delegado alerta sobre golpes aplicados em Osvaldo Cruz e região


A Polícia Civil de Osvaldo Cruz, através do delegado Marcelo Marques Silva Lemes, emitiu um alerta no final da noite desta quarta-feira (26) orientando moradores da cidade e da região para que fiquem atentos a ação de estelionatários que vem aplicando golpes do “cartão bancário” e do “WhatsApp” e causando grande prejuízo financeiro a diversas vítimas.


De acordo com o delegado, os estelionatários ligam de números fixos geralmente para idosos e se passam por funcionários de bancos. "Nos últimos dias tivemos vários registros de ocorrências relacionados a casos de estelionatos, onde os autores se utilizaram dos mesmos métodos para praticarem golpes. Os criminosos fazem contato com as vítimas, geralmente em telefones fixos, falando que são funcionários dos bancos e perguntam se naquele momento a vítima está efetuando compra com cartão ou realizando alguma transação bancária. Diante da negativa da vítima, o golpista pede que a pessoa ligue para banco no número que consta atrás do cartão bancário e a pessoa realiza a ligação. Porém, o estelionatário não encerra a ligação anterior e a vítima acredita estar falando com um funcionário do banco, quando na verdade continua a conversar com os criminosos”.


Marcelo Lemes ressalta ainda que: “Os estelionatários, ainda se passando por funcionários do banco, solicitam que a vítima escreva uma carta de próprio punho, negando estar realizando uma transação financeira, depois pegue o cartão e coloque num envelope junto com a senha. Depois avisa que um funcionário do banco vai até a vítima retirar o cartão. Na sequência, um criminoso vai na residência da pessoa, recolhe o envelope com o cartão e senha e de imediato, já munidos de diversas maquininhas de cartões, os indivíduos realizam diversas transações. Nos últimos dias, a Polícia Civil conseguiu identificar três indivíduos que participavam dos golpes e, em poder deles, foram apreendidas maquininhas de cartões. Nós prosseguimos com as investigações para identificar os demais envolvidos, já que estas pessoas presas, que recolhem os cartões, ficam com uma pequena porcentagem do dinheiro desviado das vítimas”.


O delegado de Polícia Civil de Osvaldo Cruz orienta que às pessoas fiquem atentas, pois moradores da cidade de Osvaldo Cruz já foram vítimas desse tipo golpe. “Queremos orientar a todos para que não caiam neste golpe, pois os bancos não pedem senha por telefone e não mandam funcionários na casa do cliente para retirar cartões e senhas. Fiquem atentos para que não serem vítimas dos estelionatários”. Nesta semana dois acusados, residentes em São Paulo, foram presos em um hotel de Parapuã com máquinas de cartão e são investigados nos casos de moradores de Osvaldo Cruz que sofreram prejuízo de R$ 10 mil ao serem vítimas desta modalidade de estelionato.


Saiba mais em https://www.bastosja.com.br/noticias/ver/item/5687/t/delegado-alerta-sobre-golpes-aplicados-em-osvaldo-cruz-e-regiao